domingo, 10 de outubro de 2010

Verdades de meu mundo

Às vezes escondemos palavras em gavetas e melodias em pastas como se o passado fosse passivo de ordem e aceitasse ficar guardado ali pra sempre. Mas o espaço é pequeno e escuro. Cabe pouco de toda uma história que ainda não foi.
Eu já tentei esconder o coração numa folha de papel e lágrimas no travesseiro. Já tentei fingir que vivo do mais puro presente quando, na verdade, transito por todos os lugares e tempos verbais. E confesso: já tentei me enganar por diversas vezes. Mas esqueci que mentir para o mundo e usar qualquer máscara - seja por proteção ou falsidade - é mais fácil do que esconder as verdades de si mesmo. "Mentir pra si mesmo é sempre a pior mentira", já dizia Renato Russo.
Por muitas vezes achei que o carinho deveria ser explícito para ser verdadeiro e que se não praticado frequentemente o amor acabava. Me enganei quando aprendi o que era saudade: amor por aquilo que já não é mais seu. Por diversas vezes alguns dos meus deixaram de ser e me restou saudade.
Já não sei o que fazer, pois temo que se lhes enviar cartas e letras, eles as coloquem em gavetas e pastas e se esqueçam - ou mesmo não enxerguem - o significado de tudo isso. Amor. Mais puro, belo e simplório amor.


Caramba! Um mês de pura frustração. Não conseguia escrever nada e ainda estou assim, meio insegura de postar alguma coisa. Culpar o vestibular ainda pode? São milhares de provas, pressão e o colégio. É a vida acontecendo rápido demais, sentimentos que se foram e não me deixou nada sobre o qual escrever. Desculpa por tanto vazio.

18 comentários:

Barbara Salvan disse...

Muita verdade nesse post, também tenho essa insegurança de não saber se vão dar valor ao amor que sinto :/

Dani disse...

"Eu já tentei esconder o coração numa folha de papel e lágrimas no travesseiro..." que lindoo!! Post perfeitoo.. as verdades do seu mundo tbm são verdades no meu! :)

Duca disse...

As palavras com verdade são as mais bonitas, ainda que sejam simples.

Um abraço.

Albertt disse...

Concordo que as palavras e cartas pódem ser esuqecidas e gavets e caixas, mas acreedito que atitudes jamais são esuqecidos, sao guardados no coração onde nada faz com que se esquecça!
Já vivir uma situação dessas de querer me esconder, mentir pra si proprio, complicado!

Seguindo vc. beijooos :**

Bell Souza disse...

Sábias palavras Luh, mas nem tudo precisa ser engano ou saudades.

Ju Fuzetto disse...

O amor se faz simples.

Tão lindas palavras.

Um beijo grande pra vc!

Boa semana

Luana Zamboni disse...

"Por muitas vezes achei que o carinho deveria ser explícito para ser verdadeiro e que se não praticado frequentemente o amor acabava. Me enganei quando aprendi o que era saudade: amor por aquilo que já não é mais seu."
Sinto tanto isso! Triste e compreensivo. Um dos post mais lindos que já li seu :B
Um beijo, boa sorte com o vestibular :**

Filtro dos Sonhos disse...

que coisa linda seu blog e suas palavras, fora essa foto que bate uma nostalgia pessoal em mim rs.
Favoritei

dear sarah disse...

As vezes queremos esconder tantas coisas, e isso faz um mal pra nossos sentimentos.
Externar tudo que estamos sentindo é necessário, mas creio que somente na hora certa, não escondendo mas guardando para si!


um beijo, seu blog é lindo!

Ariana disse...

O mundo tem o seu tempo. Tempo pra ser do nosso jeito. Pra trazer quem tanto desejamos. Tempo pra ter tempo. Pra caber num abraço. Um querer, um vazio dentro do abraço ainda ocupa mais espaço.

Beijos, Linda.
Parabéns!
Ficou muito bom!

Daniela Filipini disse...

Renato Russo era/é genial. Sempre será.
Belíssimo post, já senti isso, e não tive coragem de tomar decisão, então, ignorei o máximo que pude.

Felicidade Clandestina. disse...

Que Post genial cara *-* amei

Brunno Lopez disse...

Se você arquivou, se você catalogou os sentimentos, isso certamente não morre.
Memórias emocionais são como músicas intermináveis que ficam no 'repeat' de nossa mente...

Belo texto.

FatoSempalavras. disse...

Anjo, querendo ou ñ ... ''é dese entregar o viver''... so: ''aponta pra fé e rema'', pessoa do bem, igual à vc, a garantia de o amor te procurar é mt mt grande.

Vc ñ precisa temer a nada, sempre vão cuidar mt bem de ti. És um ser com muita luz.

Saudades!

Nina Auras disse...

Lindo o teu texto. Por mais que tentemos esconder coisas, sempre as achamos em um lugar diferente, ou no coração ou na mente. O amor, enfim, merece ser achado, e não escondido, porque de uma grande vida, é ele que resta. Amei.

Bruno Fernando disse...

Bom seria se fosse possível guardar ou "jogar fora" nossos problemas. Mas são com eles que aprendemos a viver melhor. Tentar, errar e tirar uma lição.

Amanda Menezes disse...

Oi Luiza, sei bem como é isso. A falta do que escrever depois do vestibular nos deixa insegura, não é?! E quase tudo parece não estar bom o suficiente pra ser colocado aqui.. =/
Espero que tudo volte logo ao normal por ai viu. Eu tou voltando aos poucos também.. Ahh e ta lindo esse texto sim, eu pelo menos adorei. *-*
Beijoos
Mandy

Fernanda Hauptmann disse...

A minha primeira vez de muitas aqui, gostei muito da maneira que escreve e do seu ponto vista, não sei se devo chamar assim. Mas se expressou de maneira bela e simples. :)

Postar um comentário

 
By Biatm ░ Créditos: We ♥ it