quinta-feira, 8 de julho de 2010

Vai que acontece...


"É difícil viver as verdades do mundo 
quando o seu coração não se sente à vontade"

Eu sei que quando atravessar a rua você não estará dentro daquele carro berrando por meu nome, enquanto eu procuro por palavras em prédios altos. Sei que o telefone está tocando, mas não é você me acordando para irmos a praia ver a vida passar. Você não me chamará pra dar uma volta no calçadão, fim de tarde no Rio de Janeiro, a pedra do Arpoador esperando pelas nossas conversas e risadas bobas. Já entendi que quando eu saltar o degrau, você não estará lá para me segurar no colo e me girar, sem medo de parecer tolo. E nas tarde frias não seremos nós dois debaixo do edredom, duas xícaras de chocolate quente e um filme qualquer passando na TV. Eu sei que o barulho que adentrou o meu apartamento não foi você do outro lado da porta com um buquê de minhas flores preferidas e meia dúzia de palavras românticas. Eu sei das verdades que o mundo faz questão de jogar na minha cara, dando-me um tapa toda vez que ouso tirar meus pés um pouco do chão para sonhar, mas vai, vai que acontece...

13 comentários:

Mandy disse...

Sonhar não custa nada não é verdade? :) Ficou lindo. E continue sonhando com cada detalhezinho ao lado de quem vc ama. Porque, como vc mesma falou, vai que acontece...
Adorei viu. :) Beijoos
Mandy

Milla disse...

Oi, primeira vez que venho aqui no blog e adorei o seu texto! Realmente vai que acontece né? Acho que deixar de acreditar em uma possibilidade não ajuda em nada, mas apenas confiar que elas ocorram também não ajuda muito. É preciso dar uma mãozinha para as coisas acontecerem :)

beijos

Gêsa disse...

As verdades do mundo... eu prefiro pensar que talvez elas não sejam tão verdades. E mesmo que sejam porque aceitá-las se não é o que você quer? Eu prefiro jogar o jogo com as minhas regras, quando possível.

Até mais, (:

http://publicidadesaltoalto.blogspot.com/

Julia disse...

não custa sonhar que no fim das contas vai dar tudo certo.

dianaBruna disse...

Vai que acontece?
E mais, se não sonhar, não quiser, como vai realizar?
=*

Duca disse...

Sonhar pode, sempre.

Daniela Filipini disse...

Sempre existe essa possibilidade, por mais pequena ou insignificante que seja, sempre existe. E sonhar vale a pena, a parte ruim é que por mais que sonhemos, vivemos a fosca realidade.

Vanessa Romão disse...

Como diria o hermano: aponta pra fé e rema.


:)

Luciana Brito disse...

Dizem que a esperança é a última que morre... então, vai que tudo isso acontece mesmo.

x)

Beijo!

dianaBruna disse...

Às vezes abandono idéias, mas jamais abandono sonhos!
Luto, sofro, tenho 'mó' trabalho, mas eu vou conquistando-os pouco a pouco!
=)
Faço engenharia de produção na UEPA, 6ºsemestre vai começar.
Adoro o meu curso, é o que tem a ver com a minha personalidade mesmo.
Claro que nunca abandono minha literatura por aqui, mas a engenharia me faz viva, satisfaz essa minha necessidade de pensar, agir prontamente, ter foco, ser objetiva.
=))
bjiiin
[se um dia quiser bater papo, só add meu msn, dianabruna.rodrigues@h...)

Mandy disse...

Luiza, tem selinho e meme pra ti no meu blog :)
Beijoos
Mandy

Brunno Lopez disse...

É... são os pensamentos que tentamos salvar.
Histórias que foram perfeitas ou não.

Gostei do jeito que falou dos prédios, do telefone...

Erica Vittorazzi disse...

Vai que acontece, não é? Ah, e o que seria dos poetas se não fossem os sonhadores?

Beijos

Postar um comentário

 
By Biatm ░ Créditos: We ♥ it